O que é e para que serve a gestão de tráfego?

Ter uma gestão de tráfego eficiente, garante um maior volume de visitantes em seu site ou perfil. Com isso, sua empresa terá um melhor posicionamento entre as concorrentes, mais engajamento com seu público-alvo, mais clientes potenciais e, consequentemente, aumento no seu faturamento.

Neste artigo vamos falar tudo que você precisa saber sobre gestão de tráfego e te ajudar a usar essa estratégia no seu negócio. Continue lendo e confira!

Mas, o que é tráfego online?

Tráfego é justamente o fluxo de visitantes que navegam nos canais digitais de uma empresa, seja site, canal do Youtube, site ou e-commerce. Quanto maior o número de acessos nesses canais digitais, maiores as chances da empresa ser encontrada na internet.

O que é gestão de tráfego?

Você até pode pensar que gestão de tráfego é apenas gerenciar usuários dos seus canais digitais, mas é bem mais que isso.

A gestão de tráfego é uma parte importante da estratégia de marketing digital. Se trata de como direcionar usuários específicos ao seu site, promovendo qualquer conteúdo que esteja alinhado aos objetivos da sua empresa. A gestão de tráfego online é usada para melhorar o desempenho de campanhas de marketing e obter mais resultados a partir de canais de marketing existentes.

A gestão de tráfego permite que você alcance os melhores resultados possíveis de forma mais eficiente. Por exemplo, se sua empresa está tentando gerar leads, você pode usar a gestão de tráfego para direcionar usuários específicos para seu site e aumentar a conversão.

O objetivo da gestão de tráfego é aprimorar o alcance de um site, oferecer melhores resultados e garantir que o tráfego direcionado seja de qualidade. Além disso, também ajuda a medir o retorno sobre o investimento e obter dados que possam ser usados para melhorar as campanhas de marketing.

A gestão de tráfego pode ser usada para direcionar diferentes tipos de tráfego para diferentes objetivos e canais. Por exemplo, se você quiser direcionar usuários do Facebook para um site, você pode usar a gestão de tráfego para criar uma campanha de marketing direcionada para esse canal. A gestão de tráfego também pode ser usada para direcionar o tráfego de pesquisa de palavras-chave específicas, direcionar tráfego orgânico e pago, entre outras estratégias.

No entanto, para realmente aproveitar os benefícios da gestão de tráfego online, é importante entender como seu tráfego se comporta e o que funciona melhor em cada canal. Portanto, é importante monitorar o tráfego de todos os canais para entender melhor o comportamento dos usuários e tomar decisões informadas para sua estratégia de marketing. Além disso, é importante que você esteja sempre testando diferentes campanhas para ver qual funciona melhor para sua empresa.

E para que esse trabalho seja feito de forma eficaz é fundamental entender os tipos de tráfego existentes, suas particularidades, vantagens e desvantagens.

Leia também: Qual o primeiro passo para começar no marketing digital?

O que é gestão de tráfego

Quais são os tipos de tráfego?

Você pode usar diferentes tipos de tráfego para garantir um fluxo de acessos ao seu site ou loja virtual saudável.

São as conhecidas fontes de tráfego, que correspondem aos caminhos por onde os usuários passam até a sua empresa.

Ter esse conhecimento estratégico pode impactar diretamente nas decisões relacionadas a quanto, onde e como investir a favor de sua empresa.

Veja os diversos tipos de tráfego que você pode se beneficiar:

Tráfego pago

Como o próprio nome diz, é necessário investimento financeiro para que funcione, mas é um dos mais eficazes tipos de tráfego online para gerar resultados a curto prazo para seu negócio.

O valor que precisa ser investido vai depender do nicho. Nichos mais competitivos será necessário um investimento maior, mais agressivo, que nichos menos concorridos.

Isso vale para diversas redes, incluindo Google, Facebook, Instagram e muitas outras. Se você tiver o conhecimento e criar campanhas eficientes de tráfego no Google Ads e no Facebook Ads, segmentando seu público-alvo corretamente, conseguirá aumentar de forma considerável o fluxo de visitantes no seu site ou loja virtual em pouco tempo.

No tráfego pago sua marca vai até seu público-alvo, diferente do orgânico quando as pessoas encontram sua empresa.

No tráfego pago é possível trabalhar campanhas de diversas formas:

  • Investir em palavras-chave realmente relevantes para seu negócio, em anúncios patrocinados no Google Ads.
  • Segmentação pelo público-alvo, com posts patrocinados no Instagram Ads, Facebook Ads ou Linkedin Ads.
  • Patrocinando vídeos com anúncios do seu canal no YouTube Ads.

Independente da estratégia adotada, pode funcionar, mas para isso é necessário ter atenção para não perder dinheiro investindo em anúncios que não dão o retorno esperado.

Para evitar isso, empresas que contam com um gestor de tráfego pago profissional ou especialistas em gestão de tráfego pago saem na frente alcançando o público mais qualificado.

O tráfego pago oferece inúmeras vantagens e diferenciais, como a capacidade de segmentar automaticamente seu conteúdo de acordo com os interesses dos usuários ou otimizar o alcance em locais específicos. Além disso, você tem mais controle sobre a frequência e o valor de exibição de seus anúncios.

Se você quiser gerar resultados a curto prazo para seu negócio online, o tráfego pago pode ser uma ótima opção.

Leia também: O que é e como fazer tráfego pago?

Tráfego orgânico

O tráfego orgânico é um dos tipos de tráfego online disponíveis para as empresas. Esse é o tráfego que as pessoas chegam até sua empresa sem a necessidade de investir em anúncios patrocinados no Google Ads ou Facebook Ads, por exemplo.

O tráfego orgânico é obtido predominantemente através dos mecanismos de busca da internet, como o Google ou o Bing. A empresa não precisa pagar nada para esse tráfego, pois ele é resultado de processos de indexação feitos pelo motor de busca para fornecer ao usuário os melhores resultados.

O tráfego orgânico é muito vantajoso para os usuários, pois a oferta é direcionada e personalizada, já que os mecanismos de busca entendem as palavras-chave utilizadas e fornecem os resultados mais relevantes possíveis. Ou seja, uma pessoa que pesquisa no Google, por um serviço ou uma dúvida específica, vai receber resultados direcionados e clicar nos resultados mais relevantes pra ela.

Por isso, se você busca aumentar o tráfego orgânico do seu site é fundamental que produza conteúdos relevantes, únicos e de forma frequente.

Além disso, é importante que esse conteúdo seja otimizado usando técnicas de SEO para aumentar as possibilidades de aparecer nas primeiras páginas de busca e nas primeiras posições orgânicas.

Apesar de não no tráfego orgânico não ter necessidade de fazer investimento com anúncios patrocinados, é necessário investir na contratação de serviços de qualidade, como de profissionais especialistas em gestão de SEO, design, desenvolvimento web, copywriting, hospedagem e outros.

Além disso, é necessário investir tempo e energia na gestão de tráfego orgânico para ter os resultados alcançados. Os resultados do tráfego orgânico aparecem a médio e longo prazo. Porém, traz um público muito segmentado e já interessando no que você oferece, portanto, um cliente em potencial e de interesse dos seus concorrentes.

Só assim, a estratégia de tráfego orgânico vai trazer leads qualificados para seu site.

Leia também: Por que minha empresa precisa contratar SEO?

Tráfego orgânico

Tráfego Social

É o tráfego de pessoas que chegam vindas através das suas redes sociais como Instagram, facebook, Twitter, Linkedin e outros.

As redes sociais não podem ser ignoradas na sua gestão de tráfego, pois são usadas diariamente por milhões de pessoas e existem diversas estratégias que podem ser usadas para levá-las até seu site e convertê-las em leads.

O tráfego social possui muitas vantagens, mas a principal é a possibilidade de viralizar seu conteúdo. Quando isso ocorre, sua marca pode alcançar milhares de pessoas e ter um aumento considerável de fluxo de acessos no seu site ou loja virtual.

Porém, isso não é fácil de ocorrer e mesmo quando acontece pode ser desvantajoso para a marca. Primeiro devido o conteúdo alcançar todo tipo de pessoas, inclusive as que não possuem o perfil desejado pela sua marca. Segundo porque, para isso ocorrer, seu conteúdo precisa ser chamativo e muito especial.

E nesse momento muitas empresas podem cometer o erro de apostar em conteúdos sensacionalistas apenas para atingir esse objetivo e acabam prejudicando a credibilidade da marca. Por isso, invista sim em tráfego social, porém sendo honesto e muito ético em seus conteúdos.

Tráfego direto

Esse é o tráfego que toda marca busca. Ter pessoas que chegam até seu site digitando diretamente o endereço do seu site no navegador.

Ou seja, são pessoas que já conhecem sua marca e procuraram por sua empresa, sem você ter a necessidade de investir em campanhas no Google ou nas redes sociais ou mesmo em estratégias de SEO.

Toda ação veio do seu público que já conhece sua marca. Trata-se de um público fidelizado, por isso tem grande valor e é tão qualificado. Público pronto para consumir seu produto ou serviço e se tornar cliente.

Para atingir esse nível de engajamento com seu público, é fundamental investir em branding. Quanto mais fortalecer sua marca, mais tráfego direto seu site terá.

Tráfego de Referência

O tráfego de referência é uma importante fonte de tráfego para qualquer site. Este tipo de tráfego vem quando os usuários clicam em um link e chegam ao seu site de um outro site, como outros sites de mídia social, fóruns, diretórios e sites de anúncios. O tráfego de referência pode ser usado para gerar leads e alcançar novos clientes. Isso é importante para as empresas que desejam aumentar a conscientização de marca, melhorar o SEO e conectar-se com o público-alvo certo.

Quando você pede uma indicação de um serviço ou produto a um amigo, você tende a ter mais confiança? Na verdade, quanto mais confiável for o amigo, maiores as chances de você fechar negócio com a indicação dele, não é mesmo?

Podemos dizer que esse é o conceito do tráfego de referência.

Você já percebeu que alguns artigos possuem links clicáveis no seu conteúdo? Alguns desses links são como uma indicação ou referência encaminhando o leitor para outra página de outro domínio. Essa técnica é chamada de backlink.

A ideia é transmitir autoridade para a outra página ao “indicar”, pois está informando ao Google que aquele conteúdo também é de qualidade e relevante.

É uma estratégia muito inteligente para ser usada dentro da gestão de tráfego, pois enriquece o conteúdo ao mostrar fontes de pesquisa ou direcionar para informações mais abrangentes sobre determinado tema.

Isso também pode ser feito através de parcerias com outros sites, não concorrentes, mas que tenham o mesmo público-alvo. Assim, podem fortalecer o tráfego de referência, dar mais visibilidade e autoridade para os dois negócios.

Uma das principais vantagens do tráfego de referência é que ele tem um custo relativamente baixo, se comparado a outras fontes de tráfego, como campanhas de mídia, anúncios e links patrocinados. Além disso, o tráfego de referência ajuda a melhorar o ranqueamento de SEO de suas páginas, pois os sites com mais links externos tendem a classificar melhor nos mecanismos de pesquisa. Este tipo de tráfego também ajuda a construir uma base de assinantes leais com o tempo, caso você ofereça conteúdo de qualidade.

Para melhorar o seu tráfego de referência, você precisa criar conteúdo de alta qualidade que responda às perguntas dos usuários e que seja compartilhado com frequência.

Tráfego de e-mail marketing

O e-mail é uma ferramenta poderosa de vendas e relacionamento dentro da gestão de tráfego.

Muitas empresas usam o e-mail marketing como principal forma de comunicação com seus leads, clientes e novas oportunidades. Afinal, quase todos possuem uma conta de e-mail.

Além de ser uma forma segura de manter controle de sua comunicação. Você consegue definir quando falar, como falar e o que falar.

Outra vantagem é que é possível se relacionar de uma forma mais pessoal com seu público-alvo, sempre fortalecendo a conexão com a marca.

Apesar dos links vindos do e-mail marketing não influenciarem nos mecanismos de busca, nem darem autoridade, são recordistas de cliques. Afinal, o próprio usuário se cadastrou na sua lista sinalizando interesse em receber informações sobre sua marca.

Diferente do tráfego pago, no e-mail marketing o primeiro contato parte da pessoa, portanto é de normal que se tenha uma maior taxa de engajamento.

O tráfego vindo do e-mail marketing é altamente qualificado, porque são usuários que autorizaram sua comunicação com eles. Ou seja, possuem interesse em sua marca, tendo maior probabilidade de tornarem clientes.

Tráfego de email marketing

Como definir o melhor canal digital?

A gestão de tráfego é uma importante ferramenta de marketing digital para ajudar a definir quais canais online podem ser mais úteis em uma estratégia global de marketing.

Por meio da análise, otimização e monitoramento das taxas de visitação em diferentes canais digitais, como o tráfego de mecanismos de pesquisa, vídeos online, sites de redes sociais, entre outros, é possível identificar quais deles estão apresentando melhores resultados, quais devem ser mantidos ou não.

A gestão do tráfego permite que os profissionais de marketing segmentem os canais, a fim de direcionar seus esforços e investimento naqueles que trazem o melhor Retorno Sobre o Investimento (ROI). Além disso, é também possível definir o melhor canal para captar novos leads e aumentar o alcance de campanhas de marketing, pois é possível identificar a origem do tráfego, bem como a página que foi acessada e por quanto tempo foi exibida.

A gestão de tráfego, assim, fornece aos profissionais de marketing uma forma de determinar quais canais são mais eficazes, identificar os melhores momentos para lançar uma campanha e mensurar os resultados.

A questão é que cada tráfego possui suas particularidades, vantagens e desvantagens. E você, provavelmente, pode alcançar melhores resultados combinando mais de um tipo de estratégias, se seu orçamento permitir.

Investir em um único tipo de tráfego pode não ser a melhor estratégia, pois pode limitar seu crescimento. Tenha em mente que quanto maior o número de pessoas for alcançado, mais pessoas conhecerão sua marca e melhores resultados seu negócio poderá ter.

Um gestor de tráfego pode ajudar sua empresa a identificar os canais digitais adequados para seu negócio.

Leia também: A importância do tráfego pago para o crescimento da sua empresa

Vantagens de uma boa gestão de tráfego

Muitos são os benefícios de ter uma boa gestão de tráfego. Separamos aqui os principais:

Aumenta a autoridade da marca

Ter um bom posicionamento no ranqueamento dos mecanismos de busca, como o Google, reforça a autoridade da empresa sobre temas e assuntos pesquisados.

Consequentemente, aumenta a visibilidade da marca, reforça o branding, aumenta o número de visitantes em seu site e impulsiona as vendas.

Audiência qualificada

Ter uma gestão de tráfego de qualidade proporciona uma melhora na segmentação do seu público, focando em pessoas realmente interessadas no seu serviço ou produto.

Mesmo utilizando os recursos disponíveis para segmentação por palavras-chave, gênero, informações demográficas, faixa etária, ocupa~]ao e várias outras disponíveis no tráfego pago, não garante que suas campanhas irão alcançar as pessoas desejadas.

Mas com a análise e otimização feitas por um bom gestor de tráfego, seus anúncios terão o sucesso esperado.

Aumento do ROI

A junção de uma boa gestão de tráfego pago e tráfego orgânico se completam e, com isso, acelera o retorno sobre seu investimento.

Enquanto o orgânico com suas técnicas de SEO, oferece resultados a médio e longo prazo, o pago traz resultados a curto prazo, o que permite manter um caixa saudável e contínuo.

Como fazer uma boa gestão de tráfego?

Mas é fato que não é uma tarefa fácil fazer uma boa gestão de tráfego, não é mesmo? Mas, se adotar as dicas que destacamos abaixo, você poderá ter sucesso nessa jornada. Confira!

Conheça seu público

Conhecer seu público-alvo é crucial para identificar os melhores canais digitais. Ter esse entendimento é fundamental para uma boa gestão desse processo. Isso porque, conhecendo seus usuários, é possível escolher as estratégias mais adequadas para a empresa e reduzi as chances de erros.

Planejamento

Ter um bom planejamento é crucial para o sucesso de qualquer negócio e quando falamos de gerar tráfego, não é diferente. Por isso, quando investimos não podemos deixar de acompanhar de perto o cliente no funil de vendas.

Além disso, crie um plano para nutrir seus leads com conteúdos de qualidade e poder convertê-los em clientes.

Acompanhe as métricas

Para um eficiente gerenciamento de tráfego, é importante acompanhar as métricas de tráfego e isso requer esforço de monitoramento contínuo.

Por meio de análises precisas, você pode identificar o que está ajudando ou prejudicando o desempenho da sua empresa, o que ajudará a tomar decisões mais informadas para otimizar o tráfego. Então, acompanhe as métricas e faça uma boa gestão de tráfego para obter os resultados desejados.

Vale a pena contratar uma empresa de gestão de tráfego?

Se você tem interesse em melhorar o tráfego do seu site, contratar uma agência de gestão de tráfego é a melhor estratégia para sua empresa. Terceirizar o gerenciamento de tráfego oferece vários benefícios em comparação com se gerenciar o tráfego por conta própria.

Uma empresa de gestão de tráfego pode ajudá-lo a desenvolver estratégias eficazes para aumentar o tráfego, o que pode beneficiar seu negócio.

Os serviços oferecidos por uma agência de gestão de tráfego incluem monitoramento e análise, planejamento e desenvolvimento de estratégias, publicidade online, gerenciamento de campanhas, relações públicas online, SEO, desenvolvimento de conteúdo e videomarketing. Além disso, muitas empresas de gestão de tráfego também oferecem serviços de suporte para suas necessidades de crescimento.

Contratar um gestor de tráfego pode ser benéfico para o seu negócio. A empresa irá ajudar você a monitorar o tráfego, otimizar o conteúdo para melhorar o ranqueamento de SEO, desenvolver estratégias para maximizar o tráfego, além de identificar oportunidades de negócios. Assim, pode-se dizer que contratar uma empresa de gestão de tráfego é uma excelente decisão para obter mais sucesso online.

Leia também: Aumente o tráfego do seu site com uma agência especializada

Agência de Gestão de tráfego

Conclusão

Com o objetivo de explicar o que é a gestão de tráfego, esse post apresentou os principais tópicos sobre o assunto.

Mas se você ainda tem dúvidas, ou quer saber mais sobre como a Agência Mais Resultado pode ajudar a sua empresa a alcançar os melhores resultados com o tráfego online, entre em contato conosco e agende uma reunião! Teremos prazer em explicar todos os detalhes e apresentar as nossas estratégias para impulsionar o seu negócio.

Perguntas frequentes

1.O que é tráfego online?

De forma geral, é a movimentação dos usuários pelo seu site ou outro canal digital. Pode ser pago ou orgânico e tem como objetivo levar pessoas ao site ou perfil para conhecerem seus serviços ou produtos ou interagirem com sua marca.

2. O que é gestão de tráfego?

É a estratégia do marketing digital que tem como objetivo atrair mais usuários para suas páginas da internet através de anúncios.

3. Como escolher o melhor canal digital?

Para definir qual ou quais canais adotar, é importante se atentar as métricas alcanças e identificar as estratégias que estão devem ser mantidas e as que precisam ser ajustadas. Dessa forma, fica mais fácil identificar qual a melhor estratégia adotar para seu negócio.

4. Quais os benefícios da gestão de tráfego?

Muitos são os benefícios de uma boa gestão de tráfego tais como: audiência qualificada, aumento das vendas, aumento do ROI e aumento da autoridade da marca.

5. Quais são os tipos de tráfego?

Os principais são: tráfego orgânico, tráfego pago, tráfego social, tráfego direto, tráfego de referência e tráfego de e-mail marketing.

6. Vale a pena contratar uma agência de gestão de tráfego?

Contar com uma agência especializada em gestão de tráfego pode ser excelente para impulsionar o crescimento de um negócio. Os profissionais de uma agência de gestão de tráfego podem ajudar a aumentar o tráfego, gerar leads qualificados e acelerar o crescimento das empresas.

Com as estratégias certas, a agência pode realmente ajudar a elevar a presença da sua marca e a atrair mais tráfego para o seu site.

7. Como escolher a agência de gestão de tráfego?

Escolher uma agência de gestão de tráfego pode ser um desafio. É importante conhecer os serviços oferecidos, como SEO, gerenciamento de campanhas publicitárias, análise de tráfego e muito mais.

Para selecionar a agência certa, você deve considerar seus objetivos, considerar seu orçamento e pedir relatórios de nível de tráfego dos clientes anteriores. Estudar cada detalhe e a forma como a agência trabalha também é importante.

Se você precisa de orientação para escolher uma agência de gestão de tráfego, estas dicas o ajudarão a tomar a decisão certa.

Leia também: Como ter sucesso com as campanhas do Google Ads?

2 comments

  1. […] Leia também: O que é e para que serve a gestão de tráfego? […]

  2. […] Leia também: O que é e para que serve a gestão de tráfego? […]

Post a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência.